Pages Menu

Notícias recentes

Brasil exporta primeira carga de melão para China após acordo bilateral

Brasil exporta primeira carga de melão para China após acordo bilateral
Esta é a primeira fruta fresca brasileira exportada para o mercado chinês
A China recebeu nesta sexta-feira (18) o primeiro embarque de melões brasileiros após acordo bilateral firmado entre os países. Cerca de três toneladas e meia de melão pele de sapo, da região de Mossoró (RN), desembarcaram no Aeroporto de Xangai.

O acordo que viabilizou a exportação do melão brasileiro para a China foi firmado em novembro de 2019, durante reunião bilateral entre os presidentes Jair Bolsonaro e Xi Jinping, na XI Cúpula do Brics, em Brasília, com a presença da ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento).

Leia mais

Nasce filha do primeiro clone de Gir Leiteiro da Embrapa Cerrados

Foto: Breno Lobato
A bezerra Florida é filha de Acácia da Cerrados TN, clone gerado por transferência nuclear

A bezerrinha Florida da Cerrados, que nasceu no dia 31 de agosto no Centro de Tecnologias em Raças Zebuínas Leiteiras (CTZL) da Embrapa Cerrados, no Distrito Federal, não é um animal qualquer. Ela é filha da vaca Acácia da Cerrados TN, primeiro e único clone de Gir Leiteiro do programa de seleção da raça no CTZL, obtido pela técnica de transferência nuclear há três anos.
Depois de uma gestação sem complicações para a mãe, a bezerra nasceu pesando 21 kg, está com boa saúde e é bem esperta. “O nascimento da Florida é a comprovação de que a reprogramação nuclear do processo de clonagem que gerou a Acácia foi bem sucedida”, afirma o pesquisador Carlos Frederico Martins, supervisor do CTZL e coordenador da pesquisa, financiada pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) que busca melhorar a eficiência da clonagem e associá-la à produção de bovinos transgênicos biorreatores.

Leia mais

Vai ter Bio Brazil Fair e Naturaltech este ano, sim!

Comunidade de produtos orgânicos e naturais volta a se encontrar num evento 100% online nos dias 20, 21, 22 e 23 de outubro.
O impacto da pandemia do novo coronavírus exigiu de todos nós um movimento de reinvenção. A comunidade de produtos orgânicos e naturais, que têm a saúde e bem-estar como prioridades, não poderia ficar fora deste movimento.
E não vai ficar! Todos têm um encontro marcado nos dias 20, 21, 22 e 23 de outubro na Bio Brazil Fair | Biofach America Latina e Naturaltech Virtual, um evento 100% online, gratuito e com espaço para muito conhecimento e troca de experiências, exposição e comércio de produtos, e relacionamento humanizado nas salas de bate-papo.
Serão 12 horas diárias de evento durante os quatro dias, deixando mais fácil a vida dos visitantes na hora de organizar a agenda.

Fórum Internacional
Ninguém precisa enfrentar sozinho os desafios pós-pandemia, e a melhor forma de se preparar para este cenário é ouvir e trocar ideias com especialistas.
Esta é a proposta do Fórum Leader’s Natural Food ao escolher As novas fronteiras para a produção e o varejo de alimentos naturais, orgânicos e saudáveis no Brasil e no mundo como tema desta edição.

Leia mais

Embrapa ampliará apoio a adidos agrícolas

O potencial da Embrapa em apoiar estratégias internacionais de articulação do agro fora do Brasil foi um dos principais pontos defendidos pelo presidente da Empresa, Celso Moretti, nesta segunda-feira, 14 de setembro, durante o segundo encontro de adidos agrícolas brasileiros. Segundo ele, a experiência da instituição e seus pesquisadores ao longo de quase cinco décadas pode contribuir com a coordenação e o fornecimento de informação qualificada em negociações e fóruns, além de favorecer a aproximação em cenários de cooperação estrangeira. “A Embrapa tem expertise para isso”, disse.

Acompanhado virtualmente por mais de vinte adidos e representantes da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) no exterior, Moretti falou sobre a agenda internacional da Embrapa, o relacionamento com 43 países, 120 instituições de pesquisa e os 154 projetos atualmente desenvolvidos em cooperação. Presentes ao encontro: ministros da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Tereza Cristina; das Relações Exteriores (MRE), Ernesto Araújo; o presidente da Apex-Brasil, Sérgio Segovia; e o presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado Alceu Moreira.

Leia mais

Embrapa e Lallemand lançam o bioinseticida Crystal

Os produtores rurais terão, já na safra 2020/2021, um novo aliado para o manejo da lagarta-do-cartucho (Spodoptera frugiperda) nas suas lavouras: o bioinseticida Crystal. A lagarta é uma praga importante de várias culturas e ataca, além do milho, algodão, soja, sorgo, hortaliças, leguminosas e frutas.
Esse produto é resultado de uma década de pesquisas e da parceria entre a Embrapa e a empresa canadense Lallemand, líder global no desenvolvimento, na produção e na comercialização de microrganismos.
O Crystal é um produto biológico à base da bactéria Bacillus thuringiensis e produz altas quantidades de esporos e cristais das proteínas Cry e da Vip3. Essas proteínas são muito eficientes no controle das lagartas.

Leia mais

Pesquisadores desenvolvem primeiro sistema orgânico de manga do País

Especialistas da Embrapa e parceiros desenvolveram mais um sistema orgânico de produção de frutas. A cultura da vez é a manga. O primeiro sistema orgânico do País para a produção de manga foi elaborado com base nos experimentos realizados em Lençóis, na Chapada Diamantina (BA), e também em estudos já existentes gerados por outras instituições e unidades da Embrapa. A média de produtividade se mostrou pouco superior aos valores registrados no sistema convencional no estado da Bahia: 20 toneladas por hectare (t/ha), com previsão de chegar a 25 t/ha no próximo ciclo, contra 15,6 t/ha em média — a diferença poderia ser maior, caso tivesse sido utilizado um espaçamento mais adensado (mais plantas por hectare) nos experimentos. Mesmo assim, o resultado foi comemorado pela equipe de pesquisa porque é mais um incentivo ao cultivo orgânico e à sustentabilidade da agricultura brasileira.
Acesse aqui a Agência Embrapa de Notícias
Além disso, há um fator que deve ser ponderado quando se compara o cultivo sob manejo orgânico ao convencional: a não utilização de produtos químicos, que facilitam a produção. Por enquanto, o sistema está restrito a essa região, mas a proposta é que sirva de modelo e possa ser ajustado para outros polos produtivos do País, já que contempla os princípios básicos da produção orgânica.

Leia mais

Myanmar abre mercado para a carne suína do Brasil

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) comemorou em 28 de julho de 2020, a abertura do mercado de Myanmar para a carne suína do Brasil, conforme informação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.
A abertura de mercado já conta, inclusive, com Certificado Sanitário Internacional (CSI) publicado no sistema do Ministério brasileiro.
País com 53 milhões habitantes, Myanmar é um mercado em expansão no Continente asiático, com uma população jovem e forte expansão econômica – cerca de 7% ao ano na última década. O consumo per capita médio do país é de 17,5 quilos anuais de carne suína.
De acordo com o presidente da ABPA, Francisco Turra, Myanmar (foto) é uma das nações da Ásia que tem sofrido com perdas geradas pela Peste Suína Africana, com impacto direto na oferta local de proteína animal.

Leia mais

A principal pergunta no momento: As principais feiras internacionais continuarão a ser como eram antes da Pandemia?

Por: Brena Bäumle*

Os organizadores das grandes feiras mundiais estão prontos para se adequar aos sofisticados protocolos de higiene, distanciamento e controle de acessos. Todos, sem exceção, estão muito flexíveis e interessados, querendo revitalizar seus negócios o mais rápido possível.
Mas e os clientes? E os expositores e visitantes?
Do ponto de vista econômico, existe a questão: a participação na feira “Como de costume” nesse momento faz sentido, sabendo que, quanto mais internacional o público for, menos contatos serão possíveis – devido à limitação e à restrição de viagens mundiais? E da lógica – menos contatos, menos negócios, menos retorno do investimento.

Leia mais

Embrapa e Apex-Brasil assinam acordos de cooperação para aumentar competitividade do agro nacional

O presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Sergio Segovia, e o presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Celso Moretti (foto), assinaram em 21 de julho, um Acordo Geral de Cooperação (AGC) entre as instituições e um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) para Atração de Investimentos, com definição de um plano de trabalho para direcionar as primeiras atividades da parceria. A cerimônia de assinatura, realizada na sede da Agência, em Brasília, contou com a presença do presidente da Apex-Brasil, Sergio Segovia, do presidente da Embrapa, Celso Moretti, e, ainda, da Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina.

Leia mais

Canal Brazil Export

Outros
  • Fruit Attraction 2019
  • Fruit Attraction 2016
  • Viernes 17 de Octubre
  • Jueves 16 de Outubro