Pages Menu
Balança comercial tem superávit de US$ 1,737 bilhão na terceira semana de junho

Balança comercial tem superávit de US$ 1,737 bilhão na terceira semana de junho

Com exportações de US$ 4,466 bilhões e importações de US$ 2,730 bilhões, na terceira semana de junho de 2019, a balança comercial brasileira teve superávit de US$ 1,737 bilhão. No mês, o saldo positivo é de US$ 4,033 bilhões, resultado de exportações de US$ 13,544 bilhões e importações de US$ 9,512 bilhões. No acumulado do ano, as vendas externas brasileiras totalizam US$ 106,393 bilhões e as compras no exterior somam US$ 80,250 bilhões, com superávit de US$ 26,144 bilhões.

A média das exportações da terceira semana (US$ 1,117 bilhão) ficou 23% acima da média registrada até a segunda semana (US$ 907,8 milhões), em razão do aumento nas exportações das três categorias de produtos: manufaturados (+28%, em razão, principalmente, de aviões, óxidos e hidróxidos de alumínio, laminados planos de ferro ou aço, etanol, gasolina, compostos inorgânicos/orgânicos), básicos (+20,9%, por conta de soja em grão, carnes suína, bovina e de frango, milho em grão, café em grão, minério de ferro) e semimanufaturados (+18,9%, em razão de ferro-ligas, açúcar em bruto, semimanufaturados de ferro ou aço, madeira serrada ou fendida, óleo de soja em bruto, estanho em bruto).

Leia mais
Fórum Prointer-Bio de desenvolvimento tecnológico e negócios internacionais

Fórum Prointer-Bio de desenvolvimento tecnológico e negócios internacionais

Com objetivo de apoiar os pequenos negócios de alto impacto do setor de bioeconomia em seu processo de desenvolvimento tecnológico e internacionalização, o Sebrae Rio realizará o IV Fórum de Negócios Prointer Bio, na quarta-feira, 26 de junho, das 8h30 às 18h, no CRAB – Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (Praça Tiradentes 69, Centro). As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas pelo link https://bit.ly/2Fb9Jij

Durante o Fórum, os participantes terão oportunidade de receber informações sobre editais, mecanismos de financiamento e oportunidades de desenvolvimento de parceiras e negócios que serão apresentadas pela Finep, Bndes e União Europeia, no âmbito do Horizon 2020. No evento, também haverá rodadas de negócios com as participações das empresas: farmacêutica Biolob, Brasken, Suzano, Futuragene, Swiss Business Hub (Suiça), Business France (França), Innovation Norway (Noruega), Instituto D’or de Pesquisa e Ensino (IDor), Fladers Investment & Trade (Bélgica), Instituto Politécnico Portalegre (Portugal), Enrich in Brazil / Fraunhofer IPK (Alemanha) e Apex Brasil.

Leia mais
Facebook anuncia criptomoeda em parceria com outras empresas

Facebook anuncia criptomoeda em parceria com outras empresas

Objetivo é oferecer alternativas aos que não têm hoje conta em banco

O Facebook divulgou hoje (18) os detalhes de sua iniciativa para criação e gestão de uma criptomoeda própria, que ganhou o nome de libra. O projeto é capitaneado pela plataforma, mas também ganhou a participação de outras companhias, como Mastercard, Visa PayPal, eBay, MercadoPago, Uber e Spotify.

A libra estará disponível a quem tiver um smartphone e conectividade com a internet, em todo o mundo. As operações poderão ser realizadas, segundo os responsáveis, entre consumidores e empresas em diferentes lugares do mundo.

O objetivo do Facebook e da rede, que ganhou o nome de Associação Libra, é permitir operações financeiras usando a internet e aplicativos diversos, como os da empresa (a rede social de mesmo nome, o Messenger, o Instagram e o WhatsApp). A expectativa é que a critptomoeda esteja disponível em 2020.

Leia mais
Brasil promove alimentos especiais em feira nos EUA

Brasil promove alimentos especiais em feira nos EUA

Delegação de 34 empresas brasileiras apresentará na Summer Fancy Food, em Nova York, uma vasta gama de produtos com atributos saudáveis, sustentáveis e naturais, como açaí, tapioca, mel, própolis, castanhas e cafés especiais

Um Brasil com potencial exportador de alimentos que vão muito além dos produtos de origem primária (commodities). Capaz de produzir e entregar uma variedade de iguarias saudáveis, inovadoras, produzidas em consonância com as melhores práticas de sustentabilidade e que podem compor receitas da alta gastronomia mundial. Esse é o cardápio que 34 empresas brasileiras apresentarão a compradores e potenciais parceiros estrangeiros em um pavilhão de 315m² durante a Summer Fancy Food Show, que ocorre em Nova Iorque (Estados Unidos), de 23 a 25 de junho de 2019.

O evento é considerado a maior e mais importante feira comercial de alimentos gourmet e especiarias, produtos regionais, orgânicos e naturais dos EUA e reúne mais de 2,5 mil expositores de 54 países e 47 mil visitantes qualificados (importadores, distribuidores, representantes de restaurantes e serviços de alimentação). Com mais de 200 mil produtos alimentícios especiais em exposição, a Summer Fancy Food é considerada uma grande vitrine de lançamentos para os mercados americano e mundial.

Leia mais
Balança comercial tem superávit de US$ 1,219 bilhão na segunda semana de junho

Balança comercial tem superávit de US$ 1,219 bilhão na segunda semana de junho

Com exportações de US$ 4,522 bilhões e importações de US$ 3,303 bilhões, a segunda semana de junho de 2019 teve superávit de US$ 1,219 bilhão na balança comercial brasileira. No mês, o total dos embarques é de US$ 9,121 bilhões e as compras do exterior chegam a US$ 6,781 bilhões, com saldo positivo de US$ 2,339 bilhões. No ano, as exportações totalizam US$ 101,970 bilhões e as importações, US$ 77,519 bilhões, com saldo positivo de US$ 24,450 bilhões.

A média das exportações da segunda semana de junho de 2019 (US$ 904,3 milhões) ficou 1,7% abaixo da média registrada na primeira semana do mês (US$ 919,8 milhões), em razão, principalmente, da diminuição nas exportações nas duas categorias de produtos: semimanufaturados (-20,0%, por conta de óleo de soja em bruto, açúcar em bruto, ferro-ligas, ouro em formas semimanufaturadas, mates de cobre e cobre de cementação); manufaturados (-11,7%, em razão de máquinas e aparelhos para terraplanagem, suco de laranja não congelado, motores para veículos automóveis, laminados planos de ferro ou aço, polímeros plásticos). Por outro lado, cresceram as vendas de produtos básicos (+10,2%, por conta de petróleo em bruto, soja em grãos, bovinos vivos, pedras preciosas ou semipreciosas, caulim e outras argilas caulínicas).

Leia mais
Bolsonaro diz que avalia reduzir para 4% imposto sobre produtos de TI

Bolsonaro diz que avalia reduzir para 4% imposto sobre produtos de TI

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (16) que o governo federal estuda a possibilidade de reduzir impostos cobrados sobre a importação de produtos do setor de tecnologia da informação, entre eles, computadores e celulares. Por meio de sua conta no Twitter, Bolsonaro afirmou que a redução poderia ser de 16% para 4%.

“Para estimular a competitividade e inovação tecnológica, o governo estuda, via secretaria do Ministério da Economia, a possibilidade de reduzir de 16% para 4% os impostos sobre importação de produtos de tecnologia da informação, como computadores e celulares”, disse.

Leia mais